5 passos para uma gestão empresarial mais eficiente
13/01/2020
Marketing estratégico: novo consumidor exige mudanças até em empresas consolidadas
10/02/2020
Exibir tudo

Gestão de Processos: Importância da cultura Lean para as organizações

* Marcus Campos 

Você já ouviu falar em cultura Lean? De maneira simplificada, trata-se de uma metodologia que tem por objetivo melhorar a produtividade na empresa por meio de processos simplificados e mais atentos às novas demandas do mercado. Considerando o contexto atual, no qual gestores de pequenas e grandes organizações estão preocupados com os resultados dos negócios, ela tem se mostrado bastante eficiente.

E não poderia ser diferente, afinal, é comum observar, sobretudo em períodos de crise, indicadores que apontam um desempenho baixo e prejuízos com a queda da produtividade, retrabalho, com estoque, superprodução, com a falta de planejamento e a falta de comprometimento e sincronismo entre as diversas áreas. Desse modo, os acionistas ou gestores das empresas que focam em ganhar eficiência estão buscando implantar as ferramentas de Lean ou programas de excelência nas operações em suas companhias.

 

Entenda a cultura Lean

Por ser uma metodologia que volta os recursos para o resultado positivo da entidade, ela busca focar no bom desempenho rumo ao sucesso no mercado. Com a visão de processo produtivo enxuto, o método visa otimizar as etapas e priorizar de forma que ele aconteça com mais precisão.

A gestão de processos pode acontecer funcionalmente, quando segue a hierarquia funcional da empresa, ou sistemicamente, quando a organização é lógica. De qualquer forma, os benefícios incluem agilidade e melhor uso de recursos humanos, tecnológicos e financeiros. Assim, é possível entender as etapas da produção e trabalhar de forma realista em cada uma delas.

 

Ela é mesmo necessária para minha empresa?

A aplicação do Lean Manufacturing visa uma melhor estruturação dentro da empresa, reorganizando processos e projetando melhorias de total abrangência, não só no meio industrial, mas também nas áreas de apoio e suporte. Ou seja, ela pode ser aplicada a qualquer negócio.

O seu foco é o consumidor final; essa visão é muito reforçada na cultura. Porém, a adoção da metodologia contribui para quem está dentro da empresa também. Baseada em cinco princípios, trabalha a produtividade de forma abrangente.

O primeiro é o valor, carro chefe de qualquer instituição, visto da perspectiva do cliente. Em seguida, há dois fluxos: de valor e contínuo. O fluxo de valor é o responsável por eliminar os desperdícios, ao saber os processos que atribuem valor ao produto ou serviço. O contínuo visa executar esses processos sem interrupções, de maneira ágil. A produção puxada cumpre a demanda sem exageros, entregando aquilo que o cliente solicita. Por fim, a perfeição é o objetivo final, buscando sempre melhoria contínua. 

 

Como implantá-la no meu time?  

São necessários investimentos em treinamento para colaboradores e fornecedores para a implantação das ferramentas de Lean. Ele traz uma nova filosofia organizacional. Com ela, a produção, o estoque de matéria-prima, os custos e colaboradores estão interligados e visam a melhorias.

Os colaboradores envolvidos no processo produtivo deverão estar comprometidos e voltados às melhorias dos processos. Como? Através de uma nova filosofia, trabalhando e produzindo, objetivando a perfeição, produzindo no tempo certo, reduzindo custos desnecessários, ganhando em produtividade e qualidade.

É preciso também rever antigos conceitos, descartar o desnecessário, otimizar o tempo e prospectar novos clientes e fornecedores. Isso a fim de qualificá-los para obter meios alternativos para atender a exigência que o mercado exige. Para aplicar, é recomendado que a equipe reflita sobre os reais conflitos do processo, visite outras instituições para ver na prática como é gerado um bom resultado, capacite a equipe através de estudos e leitura para estimular o novo comportamento e transmita a toda a empresa a cultura Lean. 

 

A empresa com a cultura Lean

O processo de autoconhecimento da empresa com a cultura Lean é significativo, após a gestão de processos. Desde o momento de mapeamento de problemas, descobre-se não só os conflitos, mas suas origens. Assim, trabalha-se abrangentemente o panorama da instituição. As dificuldades são vistas como oportunidades de evolução e aprendizado para a equipe. Ainda que o foco seja o cliente final, toda a edificação acontece com o corpo de colaboradores e isso se perpetua e se enraíza na empresa.

A gestão de processos contribui para a área interna e externa da corporação, quanto à sua imagem. A instituição caminha para ser referência, seja pelo feedback de seus clientes como pelo respeito de suas concorrentes. Assim como na aplicação da cultura, empresas são visitadas para servir de parâmetro da Lean, cada uma que ingressa nessa parcela do mercado se torna exemplo para as iniciantes. 

O apoio de um especialista é indispensável para reforçar a metodologia Lean dentro da sua instituição. Conte com a PKT nesse processo e nos deixe contribuir para a boa performance da sua empresa no mercado.

 

* Marcus Campos, Proprietário da CMP Business Solutions